Seu navegador não tem suporte a JavaScript.

Notícia

Esporte

09/01/2019 08:08 h

São Francisco do Guaporé realiza 1º batismo e troca de cordéis de capoeira

São Francisco do Guaporé realiza 1º batismo e troca de cordéis de capoeira

Da redação

A Associação de Capoeira Zambi (Grupo Zambi), realizou, "1º Batismo de novos integrantes do Grupo e Troca de Cordéis de Capoeira" para 15 alunos capoeiristas veteranos em São Francisco do Guaporé (RO). Essa atividade esportiva e cultural ocorre ao fechar cada ciclo e conta com a presença de mestres de vários lugares de Rondônia. 

A finalidade é divulgar e fortalecer as práticas sociais e culturais, envolvendo a capoeira. Em São Francisco coordenada pelo instrutor Manoel e pelo mestre Azulão, fundador do Grupo. O Grupo Zambi atua desde 1985 e é considerado um dos grupos de capoeira mais antigo do estado. 

O batizado e troca de cordéis foram realizados no Ginásio de Esportes Municipal e teve ainda roda de capoeira. Centenas de pessoas prestigiaram o evento, dentre elas, o vice-prefeito Jaime (PV), vereador Alan do Porto (PP), diretor de Esportes Siqueira, instrutor Manoel da cidade de São Francisco do Guaporé, mestre Azulão da cidade de Ji-Paraná, contra-mestre Paulão e Cleon, ambos da cidade de Porto Velho, mestrando Leony e Diney, ambos da cidade de Costa Marques, professor Fabio da cidade de Cacoal, professores Canguru e Knorr, representando o mestre Dercides, ambos da cidade de Alto Alegre dos Parecis, alunos e comunidade em geral.

O evento teve o apoio da Prefeitura Municipal de São Francisco do Guaporé, através da secretaria de Educação, Cultura, Esporte, Lazer e Turismo. Em seu pronunciamento, o vice-prefeito Jaime se congratulou com os mestres capoeiristas do Grupo Zambi e, em especial, o instrutor Manoel e fundador do grupo, Azulão, que estão inserido na comunidade, com responsabilidade de fazer crianças e jovens compreender o valor cultural da capoeira. 

"O apoio do poder público é uma forma de reconhecimento pelo que ela ainda tem a contribuir no processo educacional e na construção de valores da comunidade escolar. É importante a Prefeitura está participando destes momentos culturais. Faz parte das políticas públicas para valorização da capoeira, sendo ela patrimônio nacional, daí a importância do Governo Municipal estar apoiando e incentivando”, disse Jaime, vice-prefeito de São Francisco do Guaporé.

Fotos: Agnielde



Fonte: Texto: Jornal Correio do Vale


  • São Francisco do Guaporé realiza 1º batismo e troca de cordéis de capoeira






www.jornalcorreiodovale.com.br