Seu navegador não tem suporte a JavaScript.

Notícia

Brasil

06/12/2018 15:35 h

Pilotos rondonienses sobreviveram com salame e urina; veja o vídeo do resgate

Pilotos rondonienses sobreviveram com salame e urina; veja o vídeo do resgate

O piloto Marcelo Balestrin e o co-piloto John Cleiton Venera, que ficaram desaparecidos por quatro dias em uma mata na Serra do Mangaval , na região de Cáceres (218 quilômetros de Cuiabá), beberam a próprias urina para se manterem vivos.

A informação foi dada pela esposa do copiloto Marcelo. Ela conta que Marcelo e John tinham apenas quatros garrafas de água, mas que com o acidente duas garrafas se perderam.

Quando eles estavam na mata, eles consumiram as duas garrafas que sobraram e comeram salaminho e amendoim. No entanto com os dias passando e nenhum sinal de que seriam encontrados, os pilotos decidiram beber a própria urina para conseguirem aguentar até o resgate.

A monomotor Cessna Aircraft (PT-ICN), em que as vítimas estava caiu na mata, após bater uma copa de árvore. De acordo com informações, as condições do tempo podem ter contribuído para a queda. O acidente ocorreu na sexta-feira (30), ele ficaram 4 dias em mata fechada.

De acordo com a família, eles ainda tentaram atear fogo em um dos bancos do avião para fazer sinal com fumaça. Um vídeo de 25 segundos mostra o momento do resgate dos pilotos, as imagens rápidas registram o co-piloto John sendo imobilizado pela equipe de resgate para receber os atendimentos necessários. Eles usam fita isolante para prender Jonh na maca. No vídeo também é possível que a aeronave ficou destruída.

Marcelo e Jonh foram socorridos na tarde de terça-feira, após agentes da Força Aérea Brasileira e do Ciopaer conseguiram visualizar o avião na mata, depois de horas de sobrevoo a região. Ao se aproximarem, perceberam que os pilotos estavam ao lado do avião.

Os pilotos seguem internado na Unidade de Tratamento Intensiva (UTI), para acompanhar o quadro de desidratação.

Veja o vídeo durante o resgate:


Fonte: RondoniaVip


  • Pilotos rondonienses sobreviveram com salame e urina; veja o vídeo do resgate






www.jornalcorreiodovale.com.br