Seu navegador não tem suporte a JavaScript.

Notícia

Brasil

14/05/2019 18:40 h

Mulher agredida por jogador teme vingança: "É um milagre estar viva"

Mulher agredida por jogador teme vingança:

Moradora de Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro, Bianca Ariana Rocha Oliveira (29) falou sobre a agressão que sofreu do meia-atacante Alexandre \"Talento\" (23), que teve passagem pelo Atlético-GO. A ex-namorada do atleta, que precisou de uma cirurgia de três horas para reparar os ossos da face, diz que teme pela vida caso o jogador deixe a prisão. Ele foi detido no início de maio e está na unidade prisional de Benfica, na Zona Norte da capital fluminense.

\"É um milagre estar viva hoje. Eu tenho medo de que ele seja solto. Meu medo é ele vir atrás. Ele pode reconstruir uma carreira, mas do jeito que isso foi divulgado, digamos que ele não tem nada a perder. Ele tinha a carreira e não pensou nisso, e eu não sei como está a cabeça dele. É capaz de ele querer se vingar\", afirmou em entrevista ao UOL Esporte.

No último mês de abril, Bianca Rocha perdeu os sentidos após levar socos e chutes do jogador e foi para o hospital às pressas. Tudo teria acontecido após Alexandre, inconformado com o término do relacionamento, ter acesso ao celular da mulher e descobrir que ela foi para uma balada na companhia de uma amiga.

\"Ele me chamou para ir até a casa dele, que é perto da minha. A mãe dele estava lá. Quando chegamos, ele pediu para reatarmos. Ele pegou meu telefone, que é sem senha, e viu uma mensagem de que eu tinha saído no fim de semana anterior. Ele começou a me agredir sem argumento. A mãe dele tentou segurar, mas ele estava muito alterado. Me agrediu com socos e chutes\", disse.

Bianca Rocha relata que não teve qualquer auxílio da família do ex-namorado após a agressão e que não foi procurada. Ela deixou o local após conseguir pedir ajuda para uma amiga.

\"Eu desmaiei e, quando acordei, estava do lado de fora da casa dele e com o pai dele esperando uma amiga minha para me levar para o hospital\", relatou.

Histórico agressivo

Não foi a primeira vez que Alexandre \"Talento\" agrediu Bianca Rocha. Os dois tiveram um relacionamento de quatro anos e, de acordo com a vítima, ele sempre demonstrou um comportamento violento. Ela só não o denunciou antes por medo de prejudicar a carreira dele como atleta.

\"Foi de anos para cá. Todo momento em que ele sentia insegurança, me mostrava alguma forma de agressão, com palavras, um olhar. Com o passar do tempo ele foi piorando, já era ciumento, um pouco agressivo, mas nada além disso. Conforme foi passando o tempo, ele se descontrolou. Infelizmente, não dei queixa para não estragar a carreira dele, tentei de forma amigável\", disse.

Uma semana antes da agressão que levou Bianca Rocha ao hospital, Alexandre \"Talento\" já havia batido no carro da ex-namorada. O caso fez com que ela conseguisse uma medida cautelar, que previa distância mínima de 250 metros dela, mas não adiantou.

\"Ele me perseguiu, fechou meu carro e nós batemos. Ele arrancou do carro eu e mais duas amigas, nos colocou no automóvel dele e começou a rodar como um doido em alta velocidade. Achamos que iríamos morrer. Passamos por uma viatura, pedimos socorro e ele foi detido\", afirmou.

Bianca Rocha disse que nunca tentou revidar pois sabia que não teria chances contra um homem.

\"Eu nunca tentei nem reagir porque se reagisse seria pior. Nunca imaginei tentar bater nele porque não tem comparação. Ele treinava luta com o pai. Na minha cabeça não tinha nem chance. Dessa vez eu perdi até os sentidos\", contou.

Bianca ainda se recupera da cirurgia que passou. Ela precisou reparar a região do olho direito, após o osso afundar, e mais duas fraturas na face.

\"Tem um incomodo, tenho que ficar três semanas sem mastigar porque os médicos pediram. Eu perdi peso com isso, só como alimento pastoso, é complicado. Dor eu não tenho tido, graças a Deus, mas eu acho que está tudo bem\", disse.

Como atleta profissional, Alexandre defendeu clubes como Bonsucesso, Kallithea (Grécia), Lee Man (Hong Kong) e Atlético Goianiense, onde não se firmou e foi dispensado.



Fonte: UOL


  • Mulher agredida por jogador teme vingança:






www.jornalcorreiodovale.com.br