Seu navegador não tem suporte a JavaScript.

Notícia

Notícia Geral

08/03/2018 09:29 h

Estupro de mulheres em RO são pouco divulgados, segundo estudo

Estupro de mulheres em RO são pouco divulgados, segundo estudo

A Secretaria da Mulher divulgou hoje um levantamento sobre estupros coletivos no Brasil, durante cerimônia na Câmara Federal. Das mais de 400 ocorrências noticiadas entre janeiro de 2015 a maio de 2017 anos, houve apenas cinco comunicações, o que deixa o Estado em apenas na 21ª colocação.

Os dados foram levantados por uma empresa de clipping, e o estudo da secretaria demonstra o número de notícias sobre estupro coletivo por estado brasileiro. O estado campeão foi São Paulo, com 34 matérias denunciando o crime; seguido da Bahia, com 32 casos.

A coordenadora da bancada feminina na Casa, deputada Soraya Santos (PMDB-RJ), ressalta que devem existir muito mais crimes desse tipo do que os relatados pelos jornais, que costumam se basear em casos denunciados à Polícia.

De fato, os números apresentados sobre Rondônia, em relação a estupro está longe de mostrar o real quadro de ocorrências apresentados pelo estudo. Segundo o Núcleo de Estatística da Polícia Civil, em Rondônia houve o registro de 941 ocorrências de estupro.

A estatística rondoniense não faz menção detalhada sobre as vítimas (se criança, adolescente, ou mulher), mas o número que foi noticiado é pífio na frente do que é registrado diariamente nas delegacias.

Atualmente, o Código Penal (Decreto-Lei 2.848/40) estabelece pena de reclusão de 6 a 10 anos para o crime de estupro.


Fonte: da Redação


  • Estupro de mulheres em RO são pouco divulgados, segundo estudo






www.jornalcorreiodovale.com.br