Seu navegador não tem suporte a JavaScript.

Notícia

Geral

03/12/2018 20:36 h

Confirmada morte cerebral do sargento que sofreu acidente na BR-364 envolvendo deputado Léo Moraes

Confirmada morte cerebral do sargento que sofreu acidente na BR-364 envolvendo deputado Léo Moraes

Da redação

Porto Velho: Constatada a morte cerebral no final da tarde desta segunda-feira (03), em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Prontocordis, na capital Porto Velho, do Sargento do Corpo de Bombeiros, Adão Freitas Ferreira, de 43 anos, o mesmo que se envolveu em um acidente na manhã do dia 25 de novembro, na BR-364, próximo da Balança do DNIT, cerca de 10 km de Ouro Preto do Oeste.

O que foi apurado até o momento, é que na manhã desta terça-feira (04), uma equipe médica fará novos exames para diagnosticar o quadro clínico do paciente, para então a família decidir pelo desligamento ou não dos aparelhos.

Adão seguia para Ji-Paraná em um veículo Fiat Uno, na companhia de sua namorada e do filho dela, um adolescente de 12 anos, quando no final da curva da 3ª pista o seu veículo se chocou-se contra uma caminhonete SW4, está viajava o deputado estadual Léo Moraes (Podemos), eleito deputado federal mais votado de Rondônia no último pelito eleitoral.

O sargento usava cinto de segurança, mas infelizmente acabou batendo a cabeça fortemente com a parte de traz, vindo a sofrer traumatismo craniano com lesão axional difusa, (trauma grave em que o cérebro se move dentro do crânio). Ele foi encaminhado primeiramente para o Hospital Municipal de Ouro Preto do Oeste, posteriormente, foi transferido por um avião do Corpo de Bombeiros para a capital Porto Velho.

Colegas de corporação foram pegos de surpresa com a triste notícia da decretação de morte cerebral do sargento Adão Freitas, que é subcomandante do grupamento do Corpo de Bombeiros de Ouro Preto do Oeste. Pois, as informações da última semana mostravam um quadro estável e de provável recuperação.

O adolescente de 12 anos, que estava no banco traseiro do veículo, também se encontra internado devido o acidente. Ele passou por uma cirurgia para retirar o baço, mas passa bem. Sua mãe que é namorada do sargento e que também estava no veículo, felizmente não sofreu sequelas graves.

O sargento Adão está na corporação do Corpo de Bombeiros em Ouro Preto do Oeste desde 2011. Na semana anterior ao dia do acidente, ele apresentou TCC de conclusão do curso de Bacharelado em Direito no Centro Universitário Luterano de Ji-Paraná – CEUJI/ULBRA.

Com informações: Correio Central



Fonte: Jornal Correio do Vale


  • Confirmada morte cerebral do sargento que sofreu acidente na BR-364 envolvendo deputado Léo Moraes






www.jornalcorreiodovale.com.br