Seu navegador não tem suporte a JavaScript.

Notícia

Acidente

10/09/2019 14:37 h

Borracheiro que morreu após colisão de moto em caçamba deixa dois filhos pequenos.

Borracheiro que morreu após colisão de moto em caçamba deixa dois filhos pequenos.

Está previsto para as 17:00h desta terça-feira, 10, o sepultamento do borracheiro Luís Carlos Rodrigues (FOTO), de 25 anos, que morreu em um acidente na tarde de ontem, no bairro Parque Cidade Jardim II, em Vilhena. Ele era casado e tinha dois filhos pequenos. Seu corpo está sendo velado na Capela Municipal, anexa ao Cemitério Cristo Rei.     

De acordo com informações apuradas até o momento, Luiz Carlos pilotava uma motocicleta pela rua Ministro Salazar e, no cruzamento com a avenida Odete Zafanelli, acabou colidindo com o caminhão basculante carregado com terra. Na batida, Luiz Carlos caiu sob as rodas do caminhão e teve morte instantânea.

Luis Carlos trabalhava em uma empresa de transportes de Vilhena. De acordo com um colega, o borracheiro trabalhava por plantões e estava de folga no dia do acidente. 

O motorista do caminhão, Tiago dos Santos da Silva, de 28 anos, foi levado para a UNISP onde prestou depoimento ao delegado de plantão, e foi liberado. O caminhoneiro se submeteu ao teste do bafômetro, e o exame mostrou que ele não havia ingerido bebida alcoólica. 


Fonte: Folha do Sul


  • Borracheiro que morreu após colisão de moto em caçamba deixa dois filhos pequenos.






www.jornalcorreiodovale.com.br