Seu navegador não tem suporte a JavaScript.

Notícia

Notícia Opinião e Política

31/10/2017 17:28 h

Laudo aponta causa da morte de jovem em Pimenteiras e marido deve responder por homicídio

Laudo aponta causa da morte de jovem em Pimenteiras e marido deve responder por homicídio

O laudo pericial de Débora Mendes, encontrada morta no dia 27 de setembro, em sua casa onde morava com o esposo, no município de Pimenteiras, apontou traumatismo craniano encefálico como a causa da morte da jovem de 19 anos. De acordo com a perícia, ela sofreu uma lesão na parte de trás da cabeça, na região entre o pescoço.

O principal suspeito Tiago Nogueira, de 29 anos, esposo da vítima, que está preso, nega ter cometido o crime e afirma que a jovem se jogou do carro em movimento durante uma discussão, mas o inquérito apontou indícios de que ele pode ser responsável pela morte da esposa.

Segundo o delegado da Polícia Civil de Cerejeiras, Rodrigo Spiça, que comandou as investigações do caso, Tiago batia na esposa. “Ele era agressivo e ciumento, usava de violência física contra a jovem, batia nela”, afirmou.

Duas testemunhas, moradores de uma chácara, disseram que ouviram o casal discutindo dentro de um carro parado na região rural do município e que escutaram Débora dizer: “Você me trouxe aqui para me matar?”.

A perícia ainda apontou que havia sangue da vítima no chão do banheiro da casa e no cabelo de Débora foi encontrado um tipo de capim que existe nos fundos da residência. “A conclusão do inquérito é de que foi um homicídio”, declarou Rodrigo Spiça.

O inquérito será enviado ao Ministério Público e, segundo o delegado, o suspeito provavelmente irá a júri.



Fonte: Vilhena Noticias


  • Laudo aponta causa da morte de jovem em Pimenteiras e marido deve responder por homicídio






www.jornalcorreiodovale.com.br