Seu navegador não tem suporte a JavaScript.

Notícia

Geral

17/06/2017 12:45 h

AGREDIDA - Marido é preso após provocar aborto de grávida

AGREDIDA - Marido é preso após provocar aborto de grávida

O suspeito, identificado como Gilberto Q.(40), foi preso na tarde da última sexta-feira (16), acusado de agredir e provocar o aborto da esposa grávida de 2 meses e meio. O crime ocorreu na residência do casal, localizada no bairro Cuniã, zona Leste de Porto Velho.

A jovem de 20 anos contou aos policiais que atenderam a ocorrência que havia sido agredida pelo esposo com um chute nas costas há dois dias atrás durante discussão. No dia seguinte, a vítima acordou com fortes dores abdominais, foi levada para a maternidade por uma prima e acabou abortando. Na sexta-feira, após passar dois dias fora de casa, o suspeito retornou enfurecido alegando que a esposa tinha tomado remédio abortivo. 

Houve novamente intensa discussão e o homem saiu levando uma TV. A vítima acionou a PM, que realizou buscas e prendeu Gilberto. O homem foi apresentado na Central de Flagrantes.

IMAGEM: ILUSTRATIVA


Fonte: Rondoniaovivo

  • AGREDIDA - Marido é preso após provocar aborto de grávida






www.jornalcorreiodovale.com.br